Playstation 3 - A espera terminou

Postado por Info Games 13 de jan de 2007


O Playstation 3 estará disponível em duas diferentes configurações, no Japão, desde o último dia 11 e nos Estados Unidos a partir de 17 de novembro de 2006. Já na Europa e Austrália, o mesmo chega em março de 2007. A causa desse atraso na Europa, Austrália e nos demais paises deve-se ao atraso na produção no diodo de blue-laser. O modelo de 20 GB está sendo vendido no Japão a 4,980 yen (algo em torno de U$429), U$85 mais barato que os 59,800 yen iniciais que a Sony tinha anunciado na E3 desse ano. Já para o modelo de 60GB, a Sony deixará que as lojas coloquem seu próprio preço. O Playstation 3 chegará nos EUA com a versão de 20GB a U$499 e a de 60GB a U$599. Na Europa a de 20GB chegará por R$499 euros e na Austrália, a de 20GB por AU$829,95 e a de 60 GB por AU$999,95.


O novo Playstation 3 tem um elegante design com linhas limpas e belas curvas. Em contraste ao design “radical” com lados amassados do Xbox 360, os lados do PS3 são expandidos, para conter o hardware nele contido. Os designers tiveram que fazê-lo de tal forma baseados no sistema de resfriamento, para o processador Cell, a placa de vídeo na Nvidia GPU e o sistema elétrico. As pessoas poderiam esperar um console barulhento, graças às peças contidas, mas para a surpresa de todos, ele é bem quieto.

Protótipos anteriores foram mostrados em branco, preto e prata, mas os modelos iniciais serão apenas pretos. O material anteriormente utilizado tinha um visual meio opaco, já esse utilizado na versão final tem um brilho, como o material utilizado no PSP. O topo curvado do mesmo sugere que você o coloque na horizontal, e o mesmo pesa sólidas 11 libras (algo em torno de 5 Kg), medindo 32,5cm de largura, 9,65cm de altura e 27,4 de grossura.

Assim como o Xbox360 e o Nintendo Wii, o Playstation 3 pode ser colocado tanto na horizontal como na vertical. Os donos de um PS3 poderão reposicionar o console enquanto o sistema estiver funcionando, sempre problema algum de acidentalmente prejudicar um jogo ou filme.
O drive de Blu-ray para rodar jogos e filmes. Cada disco blu-ray pode comportar até 54GB de informações, o que deve garantir que os games precisem de mais espaço ou mais discos. Os jogos serão de região livre, mas os filmes ainda terão a travas de região. Os discos Blu-ray tem especificação A para a América do Norte, do Sul e a Ásia, com exceção da China. Se isso não mudar, significa que os consoles americanos rodarão filmes daqui, supondo que essa tecnologia seja utilizada no Brasil nos próximos anos. As primeiras 500,00 unidades de PS3 virão com o filme em Blu-ray, “Talladega Nights: The Ballad of Ricky Bobby”. O drive Blu-ray do PS3 também terá suporte aos formatos CD-ROM, CDR+W, DVD, DVD-ROM, DVD-R, and DVD+R.

O HD do sistema tem espaço suficiente para guardar todos os downloads, mídias e aplicativos da Playstation Network. Os jogos utilizarão o HD para guardar os saves e o cache diminuirá o loading desses.

A Máquina:

O Playstation 3 conta com o processador Cell, de 3.2 GHz, que consiste em um núcleo de principal de processamento com outras sete unidades de processamento (SPE). O Cell é o resultado da união de forças entre a IBM, a Sony e a Toshiba. A unidade primária de processamento tem 512KB L2 de cache e cada SPE tem 256KB de memória para trabalhar. A CPU tem uma oitava SPE para “redundância”, o que significa que cada chip do Cell precisa apenas de sete SPEs trabalhando para comandar o PS3. O processador Cell é poderoso o suficiente para guiar um novo estilo de física de jogabilidade, impossível para qualquer outro console, incluindo simulações limpas e fluidas, assim como uma rígida larga-escala de interações entre milhares e milhares de objetos em uma única tela. Os computadores de hoje não conseguem acompanhar o processamento da CPU do PS3. Além de tudo isso, os desenvolvedores de games poderão utilizar os SPEs do Cell para criar novos efeitos de áudio antes disponíveis apenas para PCs com processamento dedicado para áudio.

A indústria, mudando para adaptar-se aos novos processadores de vários núcleos, sentirá as diferenças para programar para o PS3. Antes, esses encontravam vários problemas para programar para jogos, porém a Sony já anunciou que o PS3 utilizará Open GL/ES e os programadores poderão acessar os SPEs do Cell utilizando-se de ferramentas C ou C++, ao invés de terem que programar em assembly como faziam no PS2.

Para fazer par com o processador Cell, a Sony preparou um poderoso processador gráfico, feito com tecnologia Nvidia. Você deve se lembrar que a Nvidia fez a placa do primeiro Xbox, mas com os pequenos problemas contratuais entre a Nvidia e a Microsoft, poucos ficaram surpresos com a dança das mudanças de parcerias para essa nova geração de consoles. A Microsoft ficou com a ATI para o Xbox360 e a Nvidia com a Sony para o Playstation 3. O resultado final da colaboração é o processador gráfico Playstation 3 RSX “Sintetizador de Realidade”, um brinquedinho de 550Mhz, com um chip gráfico de 300 milhões de transistors baseado na tecnologia gráfica da GeForce 7800 GTX.

O Playstation 3 tem 256MBs de memória Rambus XDR e 256MBs de memória GDDR3 dedicada para gráficos. A Nvidia aclama que RSX pode tirar vantagem dos 512MBs de memória, desde que sejam capazes de escrever dados diretamente da memória do sistema. A crescida taxa de transferência na memória gráfica e aumentada capacidade de armazenamento permitirão aos desenvolvedores utilizar texturas de altíssima resolução e combinados às memórias, esses poderão utilizar efeitos avançados, capazes de simulara a pele humana.

O Novo Controle – Six-axis:

Já o novo controle, é praticamente uma cópia do tradicional Dual Shock. O L2 e R2 estão maiores, permitindo que esse seja apertado de forma mais forte e precisa. A Sony também aumentou o ângulo entre os analógicos para uma melhor manipulação e alcance de movimentação. Quando os analógicos do PS2 tinha 8 bits de sensibilidade os do PS3 tem 10 bits.

O novo controle tem os mesmos tradicionais botões e também o D-pad. Como novidade, o controle terá um sensor de movimentação, podendo ser percebidas pelo controle em seis direções: para cima, para baixo, para esquerda, para direita, para frente e para trás. O novo controle de movimento six-axis permitirá aos jogadores utilizar o corpo para ajudar no jogo. O mesmo não pesará mais que o Dual Shock tradicional, mesmo com suas novas funcionabilidades.

Assim como o controle do Xbox 360, o novo controle do PS3 será wirelees, mas ele também conta com Bluetooth, ao invés do tradicional 2.4GHz RF. Aparelhos que trabalham com Bluetooth, geralmente têm um alcance de nove metros, mas o controle do PS3 terá aproximados 20 metros. Você poderá recarregar o controle, conectando-o à porta USB do PS3. O mesmo também não apresentará nenhum problema caso controles sejam plugados ou desplugados com o console ligado.

A bateria do controle não é trocável. Se a bateria pifar, só um novo controle, ou mandando para a Sony trocar. Mas, acreditamos que a bateria dura anos e esperamos que ao menos suficientes para esperar até a chegada do PS4. Os controles Six-axis sem fio para PS3 serão vendidos nos EUA a U$50.


Jogos no lançamento:

A Sony já anunciou que o Playstation 3 terá 21 jogos disponíveis “até as festas de final de ano”, período de 17 de novembro (lançamento do PS3 americano) até o final do ano. A SCEA terá três games prontos logo para o lançamento: Resistance: Fall of Men, NBA 07 e Genji: Days of the Blade. Títulos que foram adiantados pelas third-partys incluem Tony Hawk’s Project 8, Final Night Round 3, Marvel: Ultimate Alliance e Sonic the Hedgehog. Os jogos first-party sairão por U$60 nos EUA e esperamos que os de third-party não fujam dessa risca.

Se você não tem condições de ficar comprando os games de PS3 a esse preço, você pode ir pegando games de PS2 até que os títulos iniciais de PS3 comecem a cair de preço. O PS3 tem retrocompatibilidade com os jogos de PS1 e PS2. Você poderá transferir jogos salvos de velhos memory cards do HD do PS3 com um adaptador que custará U$15 nos EUA. Proprietários de PS3 poderão também comprar e baixar jogos no estilo arcade na Playstation Network, que sairão por menos de U$15. Os jogos anunciados incluem Blast Factor, flOw, Criminal Crackdown, Lemmings 2, Go! Sudoku, and Go! Swizzleblock2.

Playstation Network:

A rede on-line da Sony será semelhante à da Microsoft, a Xbox Live, e terá diversas funções de comunidades on-line, como login pessoal, lista de amigos, avatares, assim como opções de comunicação que incluem um programa de mensagens instantâneas e chat por voz e vídeo. O PS3 não terá a câmera logo no lançamento, mas a mesma já fora anunciada e está em desenvolvimento para que tenha uma alta resolução.

A rede gratuita, Playstation Network, serviço de comunidades e multiplayer on-line. Resistance: Fall of Man, por exemplo, terá um multiplayer on-line para até 40 pessoas e um sistema de lobby e amigos, assim como suporte para festas, clãs, status e níveis de experiência.

O serviço da Sony terá uma loja virtual, onde os jogadores poderão fazer downloads de uma variedade de conteúdo incluindo games, demos de games, conteúdo adicional de games, além de vídeos, trailers de filmes e videoclipes de música. Tudo isso será possível através da “Carteira Playstation 3”, uma carteira de dinheiro virtual, que terá seus créditos adicionados via cartão de crédito. Todos os itens estarão com preços em dólares, ao invés de pontos, como demais consoles estão fazendo. A Sony sugeriu que o serviço servirá também para pagar mensalidades de MMORPGs.

Funcionabilidade Multimídia:

Logo do boot do sistema, os donos de um PS3 serão agraciados com a familiar barra cross media (Xross Media Bar da Sony), que é o sistema de menu atualmente utilizado no PSP e nos televisores Sony. O XMB permite você navegar horizontalmente pelas categorias do nível topo: usuários, configurações do sistema e opções de mídia como fotos, música, vídeos, jogos, rede e amigos. Cada categoria topo, quando selecionada, irá mostrar uma lista vertical com opções relacionadas. O menu do usuário, por exemplo, permite que você crie diversos usuários para administrar suas contas no sistema do PS3. Os pais podem moderar as contas de seus filhos, para limitar os jogos por nível do jogo, baseado nos ranking da ESRB e MPAA.

As opções de foto oferecem diversos slides shows. O sistema também pode tocar música enquanto você faz esse show de slides, sendo que o PS3 suporta vários arquivos de música, como MP3, ATRAC, AAC, e WAV, além de ter seu próprio visualizador de música. Os usuários podem importar músicas de um cartão flash, através da porta USB ou ripar músicas de um CD. A Sony desenvolveu um menu para vídeos que demonstra 15 segundos de cada vídeo em thumbnails. Os usuários não poderão transferir arquivos do PC para o PS3 via rede, mas você poderá transferir ou ver vídeos diretamente de uma memória flash ou por USB.

O menu de rede permite acesso ao web browser do PS3, Playstation Store e a função de PSP remote, que permitirá o PSP compartilhar vídeo através de conexão Wi-Fi, inicialmente local, mas a Sony pretende estender para conexões PS3-PSP pela internet. Os jogos de PS3 irão também suportar o PSP em algum lugar no futuro.

O Web Browser é bem funcional com boas funções e suporte a Flash. Você poderá abrir várias janelas do browser e trocar de uma para a outra bem rapidamente. O PS3 utiliza o mesmo estilo de colocação de texto que o PSP, o que significa que plugar um teclado UBS será uma boa, se você pretende digitar muito.

A lista de amigos é o ícone final do XMB, mas o mesmo terá avatares e ícones personalizáveis.

O console é simplesmente super completo. Seus gráficos são os mais impressionantes do mercado, a funcionabilidade on-line semelhante as já apresentadas pelos demais consoles rivais, e muita beleza diversão é prometida, apesar do elevado preço. Agora, é ver para crer!

Bookmark e Compartilhe

Share/Save/Bookmark
Reações: 
0 comentários

Postar um comentário

Anunciantes

Arquivo do blog

Widget UsuárioCompulsivo

Top parceiros


Seja nosso parceiro

Adicione o nosso banner e envie
um e-mail para redecineplaneta@gmail.com

Seguidores